Publicações Recentes

Mercosul: Equador estuda “muito seriamente” seu ingresso, diz Rafael Correa

19 de dezembro de 2011 / Edmar Roberto Prandini /

17/12/2011 – 18h36

Rafael Correa, presidente do Equador, considera ingresso incorporação definitiva ao Mercosul

Quito, 17 dez (EFE).- O presidente equatoriano, Rafael Correa, anunciou neste sábado que seu governo estuda “muito seriamente” a possibilidade de pedir ao Mercosul sua incorporação como membro pleno.

Correa confirmou que na próxima segunda-feira viajará para Montevidéu para participar da Cúpula do Mercosul, que será realizada no dia seguinte.

“Somos um Estado associado, mas há grandes vantagens em ser Estado membro”, apontou o governante após destacar a proximidade de seu país com certas posições do grupo sul-americano.

“A visão internacional do Mercosul é muito próxima da do Equador”, por exemplo na resistência a assinar tratados de livre comércio (TLC) com outros blocos ou países do mundo, afirmou.

O presidente também destacou como posição comum a recusa em firmar tratados de proteção recíproca de investimentos com potências mundiais.

Todas essas afinidades, assim como o potencial comercial que o acesso do Equador ao Mercosul representaria, levaram o governo equatoriano a estudar seu pedido de ingresso, reiterou Correa.

“Estamos analisando muito seriamente a possibilidade de o Equador entrar como membro pleno no Mercosul”, declarou o governante, após lembrar que o convite para o ingresso foi feito pelo bloco ao país.

Esse passo “facilitaria o acesso a mercados como a Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai”, acrescentou Correa.

O Mercosul, ressaltou, é “um grande mercado”, cujo fortalecimento também permitiria reforçar a União de Nações Sul-Americanas (Unasul).

Fonte: http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/efe/2011/12/17/equador-estuda-muito-seriamente-seu-ingresso-no-mercosul-diz-correa.jhtm